Japão acelera lançamento de uma versão digital do iene

Japão acelera lançamento de uma versão digital do iene

O Banco do Japão (BoJ), um dos bancos centrais do Japão, priorizou o desenvolvimento de uma moeda digital de banco central (CBDC) desde julho, de acordo com um relatório do Japan Today. De acordo com o relatório, os membros do BoJ esperavam ver suas moedas digitais operando perfeitamente durante épocas de desastres naturais e especialmente durante quedas de energia, mas o Japan Today declarou principalmente que o movimento da moeda digital japonesa ganhou impulso devido a uma “desaceleração na produtividade global” da pandemia de coronavírus.

O relatório citou outras razões para a urgência por trás da criação do CBDC, como a ameaça do futuro CBDC da China, entre outros. O relatório disse:

A possibilidade de afirmar sua moeda no cenário internacional provavelmente fez com que a China se tornasse um favorito na corrida pela moeda digital. Se um yuan digital, atualmente em teste, fosse amplamente aceito, poderia agilizar o comércio e aumentar a inclusão financeira.

Entre as especulações do relatório, ainda não estava claro por que os funcionários do Banco do Japão repentinamente priorizaram o desenvolvimento de seu iene digital. Além disso, se o e-yen vai depender da tecnologia blockchain do Bitcoin, devido aos seus problemas de escalabilidade, permanece incerto. Os funcionários do BoJ também não especificaram o cronograma do projeto em relação ao desenvolvimento do CBDC no relatório.

O diretor geral do departamento do BoJ, Takeshi Kimura, disse ao Asahi Shimbun (um jornal nacional do Japão) que os membros do banco seguirão em frente com as discussões e irão além do estágio preparatório de desenvolvimento do CBDC. Kimura disse no relatório que forçaria a consolidação de outros pagamentos eletrônicos via CBDC e enfatizou que a CBDC substituirá o dinheiro no Japão, que é mais ou menos uma sociedade dependente de dinheiro. Até agora, o dinheiro em circulação no Japão representa 20% do PIB, enquanto o uso de cartões de crédito responde por cerca de 17% das transações.

Mais recentemente, o BOJ nomeou o economista Kazushige Kamiyama para chefiar o departamento de pagamentos e liquidação que supervisiona as moedas digitais, que, de acordo com o relatório, destacou a urgência por trás do desenvolvimento do CBDC japonês.

Traduzido e adaptado de: eng.ambcrypto.com

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário