Glossário

Nesta página, que será constantemente atualizada, você poderá conferir em nosso glossário o significado de alguns termos que serão muito utilizados nesse site.

 

Altcoins – são moedas digitais (criptomoedas) alternativas, exceto o bitcoin.

Assinatura – é a autorização de transações com moedas digitais por meio das chaves públicas e privadas.

Bitcoin – foi a primeira criptomoeda criada e disponibilizada para uso por meio de software open source.

Bloco – registro de transações realizadas no blockchain.

Blockchain – “planilha” pública na qual todas as transações (blocos) realizadas são registradas.

Carteira (wallet) – local em que o usuário armazena as moedas digitais. Podem ser hot, ou seja, com conexão à internet, ou cold, cujo uso é realizado off-line.

Chave – necessárias para as transações com criptomoedas. Podem ser públicas, utilizadas para o recebimento de moedas/pagamentos ou privadas que permitirá ao usuário realizar transações (pagamentos) com criptomoedas.

Corretora – sites especializados no comércio (compra, venda ou troca) de moedas digitais.

Criptografia – técnicas utilizadas para garantir o sigilo e segurança dos usuários e das transações.

Criptomoedas – são as moedas digitais, emitidas por meio de criptoprocolo. Geralmente distribuídas por meio de mineradores.

Criptoprotocolos – softwares open source responsáveis por padronizar as transações que nele ocorrem.

Ethereum – é um criptoprotocolo utilizado para contratos inteligentes, emitindo uma moeda digital própria.

Hard Fork – divisão de uma blockchain em duas diferentes. Ocorre quando não há consenso entre os usuários de determinada moeda digital para atualização do software ou criação/programação de criptoprocolos. Assim, uma nova blockchain é gerada com características diferentes da anterior.

ICO – oferta de moedas, por meio do ICO empresas podem emitir moedas digitais próprias.

IOUs – IOUs são tokens emitidos na plataforma Ripple que são resgatáveis por um recurso fungível, como Dólar (USD), ouro ou petróleo bruto. Qualquer pessoa pode emitir IOUs, no entanto, para que alguém aceite o pagamento em IOUs, eles devem confiar em que a pessoa ou organização que os emitiu poderá resgatar o IOU pelo ativo subjacente.

Litecoin – versão “light”do bitcoin. Possui funcionalidade (blockchain e criptoprocolo) próprios.

Mineração – processo realizado por meio de computadores para confirmar as transações com moedas digitais de forma segura. O responsável, ou minerador, recebe para realizar as transações (taxas).

Moeda Fiat – Fiat é a moeda legal de qualquer país em que é impressa e emitida pelo governo e o Banco Central.

Pool de mineração – mineração realizada por um grupo de mineradores que dividem os ganhos entre os participantes.

P2P – do inglês peer to peer, significa de pessoa para pessoa. É um sistema que permite a interação direta entre usuários, sem intermediários no processo.

Taxa de hash – indica o poder de processamento de um criptoprocolo.