Gitcoin e Polkadot trazem novos desenvolvedores para Blockchain

Gitcoin e Polkadot trazem novos desenvolvedores para Blockchain

O projeto entre Gitcoin e Polkadot revelou que estão trabalhando em conjunto para auxiliar os desenvolvedores da plataforma blockchain interoperável a conseguir apoio e financiamento da comunidade.

O Gitcoin funciona como uma solução de financiamento de bens públicos. Baseado no “Radicalismo liberal com restrição de capital”, ou CLR, que o co-fundador da Ethereum, Vitalik Buterin apoia. O mecanismo de ação acontece por meio do Gitcoin Grants, que é um híbrido de financiamento público que funciona através de doações da comunidade e de doadores ricos.

O CLR pode ser comparado com o conceito de doações correspondentes, a diferença é que não são apoiadas separadamente. O sistema de financiamento quadrático modifica o peso de cada doador. O responsável pelas relações com desenvolvedores do Gitcoin, Scott Moore, detalhou que a correspondência se altera de acordo com a participação das pessoas.

Usando o exemplo de Moore, se duas pessoas fizerem uma doação de US$ 4 cada, o sistema os igualaria por US$ 16. Entretanto, se forem feitas 8 doações de US$ 1 cada, a correspondência seria de US$ 64. A soma feita nas doações continua a mesma. A diferença é que a fórmula quadrática promove uma maior significância para valores menores.

“Isso realmente significa apenas fornecer um sinal da comunidade. Queremos que haja um sentimento real de qualquer candidato que participe […] de que a voz deles é importante e que não é apenas uma entidade central que controla o financiamento”.

Desenvolvedores vindos da Web 2.0

Moore disse que, apesar de o Gitcoin estar, por enquanto, mais fortemente ligado aos projetos Ethereum, mudanças sobre isso estão sendo previstas. Uma grande parte das correspondências são originadas da Ethereum Foundation, ConsenSys e de grandes colaboradores individuais. Mas, o Gitcoin tem o objetivo de disponibilizar uma plataforma de código aberto para uso de todos os desenvolvedores.

A parceria com o Polkadot tem um grande peso nessa fase, uma vez que seu mecanismo de desenvolvimento de blockchain tem base no WebAssembly, que é uma estrutura que visa trazer linguagens de baixo nível como Rust e C++ para aplicativos da web. Moore explicou que “muito do nosso crescimento vem da Web2 e não da Web3, e essa é uma grande prioridade para nós”. Ele estimou os números de desenvolvedores da Web 3.0, principalmente o Ethereum, dizendo que deva estar entre 10.000 e 200.000, o que é considerado baixo.

“A escolha de idiomas mais comuns pelo Polkadot, como o Rust, pode ser realmente útil quando se trata de atrair novas pessoas da comunidade Web2 Rust.”

O Ethereum tem o objetivo de também migrar para um sistema baseado no WebAssembly com 2.0, mas isso ainda está apenas nos planos. Durante isso, o Polkadot já disparou um “candidato à rede principal.”

Gitcoin e Polkadot trazem novos desenvolvedores para Blockchain

Não ao “maximalismo em cadeia”

O gerente de comunidade e crescimento da Web3 Foundation, Chris Hutchinson, disse que o Polkadot é considerado uma “aposta contra o maximalismo em cadeia”.

Moore disse ter percebido que grande parte da comunidade Ethereum via que “o Ethereum é realmente o único projeto” após passarem por uma situação bem parecida com a comunidade do bitcoin, acrescentando:

“Acho que, considerando o quão pequeno é nosso ecossistema, precisamos considerar como podemos trabalhar juntos. E assim, alcançar uma adoção mais ampla, em vez de focar apenas em nossos respectivos projetos”

Polkadot foi desenvolvido, em maior parte, pela Parity Technologies, criada pelo co-fundador da Ethereum, Gavin Wood. Para arquitetar o lançamento, o Polkadot iniciou interações com vários players do sistema comumente associado ao Ethereum, como o Chainlink e a Celer Network. Isso porque o Polkadot defende a ideia de interoperabilidade, em que o bitcoin também faz parte.

Hutchinson explicou que o Polkadot não veio para disputar com a Ethereum, dizendo que essa sensação de concorrência é muito comum entre os sistemas de criptografia: “Tudo isso sai pela janela, sempre que você tem sistemas que funcionam juntos e podem compartilhar esses diferentes [recursos] juntos.”

Apesar disso, de acordo com ele, “ainda há competição” entre outros níveis, mas a principal intenção do Polkadot é “atingir o objetivo da Web 3.0 em geral”.

Veja mais em: Notícias

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *