Início»Informação»Hacker que embolsou milhões em bitcoin utilizando Ransomware é indiciado em Atlanta

Hacker que embolsou milhões em bitcoin utilizando Ransomware é indiciado em Atlanta

9
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Nos últimos anos, o SamSam causou estragos em vítimas em todo o mundo. O SamSam é um tipo de malware chamado ransomware que bloqueia o acesso dos usuários às suas próprias redes e computadores até que um resgate seja pago ao invasor.

O SamSam foi criado para ser usado em ataques direcionados, e os golpistas usaram táticas de força bruta, além de enganar as comunicações com as vítimas para convencê-las a desistir de seu bitcoin. Para executar o ataque de ransomware SamSam, os criminosos virtuais exploram as vulnerabilidades comuns da rede de computadores. Quando a rede é violada, os invasores copiam o SamSam ransomware para a rede.

Hacker que embolsou milhões em bitcoin utilizando Ransomware é indiciado em Atlanta
Hacker que embolsou milhões em bitcoin utilizando Ransomware é indiciado em Atlanta.

O procurador-geral assistente dos EUA, Brian Benczkowski, disse que o crime é único, mas uma novidade em truques antigos. “As alegações na acusação revelada hoje, a primeira do tipo, descrevem um esquema internacional de hackers e extorsão baseado no Irã que se envolveu em uma chantagem digital do século 21”.

Os iranianos Faramarz Shahi Savandi e Mohammad Mehdi Shah Mansouri foram identificados pelo FBI como os perpetradores e a acusação conta a história de como esses ciber-criminosos atuaram por mais de três anos.

Leia Também:  Relatório da Kaspersky Labs mostra que os hackers estão mudando a estratégia

A dupla causou mais de 30 milhões de dólares em prejuízos e fez 6 milhões em pagamentos de resgate.

O FBI descreveu os crimes como invasivos e maliciosos. “Uma vez na rede, esses hackers usam o SamSam ransomware para obter direitos de administrador que lhes permitem assumir o controle dos servidores e arquivos da vítima, sem a autorização da vítima. Os hackers exigem um resgate pago em bitcoin para que a vítima recupere o acesso e o controle de sua própria rede. ”

De acordo com o FBI, os criminosos pensaram que estavam se cobrindo usando o Bitcoin, mas na verdade facilitou um pouco o trabalho da lei. “Eles usaram bitcoin para evitar a detecção, mas este caso mostra que a moeda digital pode ser rastreável.”Bitcoin e outras criptomoedas têm sido associadas há muito tempo a criminosos e outros possíveis criminosos repugnantes, em parte devido ao uso de criptomoeda que os usuários do Silk Road participaram. No entanto, à medida que mais crimes como esse são processados, muitos estão percebendo que o Bitcoin não é apenas um ferramenta para otimizar ações ruins.

Traduzido e adaptado de : zycrypto.com

Siga-nos nas redes sociais
Canal no Telegram Siga-nos no Facebook Acompanhe nosso Twitter Siga-nos no Instaram
Artigo anterior

CamGirls ganham mais de 70mil dólares com criptomoeda

Próximo artigo

Projeto de blockchain de Sydney visa entregar nova linguagem de programação

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.