Investidor aposta que BTC chegará a US$ 2,500 até o fim do ano, declarando seu pessimismo em relação a criptomoeda e ao mercado como um todo.

Stephen Innes, um operador focado no mercado da Ásia-Pacífico da empresa Oanda, sediada em Nova York, sentou-se recentemente com a Bloomberg para discutir suas opiniões sobre o mercado de criptomoedas em geral, juntamente com a ação do preço do Bitcoin (BTC) nas últimas semanas.

Investidor aposta que BTC chegará
Investidor aposta que BTC chegará a US$ 2,500 até o fim do ano.

O âncora da Bloomberg, lutando para manter o riso contido, começou o segmento chamando a atenção para a previsão recente de Innes de que BTC veria seu preço ser negociado de US$ 3.500 a US $ 6.000 antes de cair para US $ 2.500 até janeiro de 2019, uma estimativa peculiar de níveis de preço. Explicando sua previsão, Innes disse aos telespectadores do segmento:

“Você sabe que é um show de um oeste selvagem aqui em terras de criptomoedas, com certeza, então temos que ser um pouco cautelosos. Olhando para algumas dessas métricas, basicamente existe um risco não quantificado. [E] o que eu realmente estou vendo é o modo como as moedas têm sido negociadas nos últimos meses, e é indicativo de que o fundo do [Bitcoin] não está dentro.”

Chamando o estado atual mercado de “faca caindo”, o comerciante pessimista e cético acrescentou que, tal como está, “investidores maduros” estão hesitantes em emitir ordens de compra de bitcoin ou outras criptomoedas.

Apesar de que o investidor aposta que BTC chegará a valores sombrios até o fim do ano, ainda assim, Innes declarou que ele não é pessimista em relação a tecnologias blockchain, mas sim, ele é em como as moedas estão sendo negociadas e como elas se movem de uma perspectiva holística.

Perguntado sobre catalisadores de baixa importância, como os turbulentos mercados de ações tradicionais e o hardfork do Bitcoin Cash, e se estão realmente afetando o mercado.

Invertendo a questão, Innes surpreendentemente apontou que, embora os dois fatores mencionados tenham sido um catalisador, o principal indicador de baixa, em sua mente, é a falta de interesse em criptomoedas dos investidores de Wall Street, apesar do interesse do Intercontinental Exchange, TD Ameritrade e Goldman Sachs para entrar nesta classe de ativos.

Curiosamente, a previsão de preço do Bitcoin feita por Innes de US$ 2.500 está abaixo do que outros analistas especularam. O sócio da Morgan Creek Digital Assets, Anthony Pompliano, observou recentemente que, por um conjunto de fatores psicológicos, técnicos e históricos (fundamentais), o BTC poderia razoavelmente estar em algum próximo de US$ 3000, aproximadamente 25% abaixo dos níveis de preço no momento da escrita.

Fonte: Ethereumworldnews

Deixe um comentário