KFC lança Blockchain Pilot

KFC lança Blockchain Pilot

Inovações na publicidade digital e compra de mídia são feitas no Kentucky Fried Chicken (KFC) do Oriente Médio, através de tecnologia de blockchain! A segurança e privacidade de anunciantes, editores e consumidores também são levadas em consideração no lançamento do projeto.

Transparência de dados

O projeto pretende mostrar como o blockchain atua na melhora de processamento de dados, aumento de visibilidade e na penetração da marca, melhorando ferramentas de publicidade. O KFC também objetiva acabar com problemas de fraude através de um banco de dados compartilhado que seja baseado na tecnologia de blockchain. Neste banco, todas informações de entrega e posicionamento de anúncios possam ser acessadas e compartilhadas em tempo real.

O diretor de marketing responsável pela KFC, Brands e Yum – Ozge Zoralioglu, se pronunciou:

“O KFC agora pode se beneficiar da visibilidade aprimorada dos dados em tempo real e das informações mais atualizadas – tudo com total confiança de que as informações são autenticadas, à prova de violações e, portanto, críveis”.

Criptomoedas fazem parte das redes de fast food

Em 2018, a KFC Canadá já havia introduzido o uso da tecnologia, com o Bitcoin Bucket, em que permitia aos clientes realizarem compras com o bitcoin. Além disso, o Chicken – filial da Chruch, começou a utilizar, em seus 10 restaurantes da Venezuela, pagamentos via criptomoedas Dash. As unidades do Burguer King holandesa e alemã, em 2016, também iniciaram o uso de criptomoedas como forma de pagamento no site e aplicativo. Contudo, a Burguer King anunciou a interrupção do uso do bitcoin, dizendo que foi uma jogada temporária.

Veja mais em: Criptomoedas, Blockchain

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário