US$25 milhões em investimentos falsos em criptomoedas

US$25 milhões em investimentos falsos em criptomoedas

De acordo com dados do Scamwatch, os golpes de investimentos falsos na Austrália custaram aos investidores mais de 70 milhões de dólares australianos (US$50,5 milhões) nos primeiros seis meses de 2021, com os golpes de criptomoedas contribuindo para mais de 50% das perdas.

Conforme relatado pela Comissão Australiana de Concorrência e Consumidores (ACCC), os dados do Scamwatch mostram um aumento de 53,4% nos relatórios relacionados a golpes de investimento, que deve ultrapassar US$101 milhões até o final deste ano.

Com base nos 4.763 relatórios recebidos apenas em 2021, a vice-presidente do ACCC, Delia Rickard, afirmou que 2.240 das reclamações estavam relacionadas a fraudes de criptomoeda e atribuídas principalmente ao Bitcoin (BTC).

Rickard disse que os golpistas atraem os investidores para o uso de plataformas de negociação falsas com endossos de celebridades que prometem alta lucratividade. Embora as plataformas de negociação inicialmente permitam que os investidores retirem alguns lucros usando os ativos de outras vítimas, os golpistas acabam impedindo investidores de retirarem seus investimentos. Ela acrescentou:

“Desconfie de oportunidades de investimento com baixo risco e alto retorno. Se algo parece bom demais para ser verdade, provavelmente é.”

Os golpes de investimento relacionados ao Bitcoin na Austrália já ultrapassaram US$18,5 milhões, um aumento acentuado de 44% em comparação com as perdas totais de quase US$12,8 milhões em 2020.

Outros tipos de golpes que assolam os investidores australianos incluem golpes de Ponzi, golpes de títulos impostores e golpes de isca de romance.

A Comissão de Valores Mobiliários e Investimentos da Austrália (ASIC) pediu aos cidadãos australianos que parassem de investir em criptomoedas por meio de entidades não licenciadas.

O regulador aconselhou os investidores a escolher instituições financeiras que possuam uma licença de Serviços Financeiros Australianos. De acordo com os relatórios recebidos dos investidores, o ASIC observou:

“A maioria das perdas relacionadas aos investimentos em criptomoedas foram devido a alavancagem excessiva, interrupções de plataforma ou liquidações injustas.”

Veja mais em: Criptomoedas | Investimentos | Notícias

Compartilhe este post

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.