Ministro das Finanças da Alemanha apóia euro digital, mas é contra o projeto Libra do Facebook

Ministro das Finanças da Alemanha apóia euro digital, mas é contra o projeto Libra do Facebook

O ministro federal das Finanças da Alemanha apoiou a digitalização do euro, mas é contra projetos de moeda privada como o Libra do Facebook.

Falando com a fonte de notícias de negócios local Wirtschafts Woche, o ministro Olaf Scholz disse que permanece “muito, muito crítico” em relação a Libra. No entanto, um e-euro seria bom para o sistema financeiro da Europa, principalmente após a globalização econômica.

“Esse sistema de pagamento seria bom para o centro financeiro [europeu] e sua integração no sistema financeiro mundial”, afirmou Scholz. “Não devemos deixar o campo para a China, Rússia, EUA ou quaisquer fornecedores privados”.

Ministro das Finanças da Alemanha apóia euro digital, mas é contra o projeto Libra do Facebook
Ministro das Finanças da Alemanha apóia euro digital, mas é contra o projeto Libra do Facebook.

Ecoando outros líderes europeus, como o ministro das Finanças da França, Bruno Le Maire, que disse que a França bloquearia Libra, Scholz argumentou que o poder da emissão de moeda deveria residir nas mãos do Estado, dizendo:

“Um elemento central da soberania do Estado é a publicação de uma moeda, não a deixaremos para empresas privadas”.

Alguns legisladores dos EUA concordam, com a chefe do Comitê de Serviços Financeiros da Câmara dos Deputados, Maxine Waters (D-CA), anteriormente pedindo que o Facebook atrasasse o lançamento de Libra até que a aprovação regulamentar fosse recebida. O Comitê da Câmara ainda está pressionando o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, a testemunhar perante o Congresso sobre o assunto antes de janeiro de 2020.

Os membros da Associação Libra, programados para assinar uma carta formal em algum momento deste trimestre, estão sentindo os efeitos de tais críticas. A empresa de serviços financeiros PayPal anunciou sua decisão de deixar a associação na semana passada, citando a necessidade de trabalhar em sua própria missão.

Traduzido e adaptado de: coindesk.com

Deixe um comentário