Aumento de 1.540% na receita trimestral na mineração de Bitcoin

receita

A principal empresa de mineração de Bitcoin de capital aberto, Riot Blockchain, relatou receita recorde para o segundo trimestre de 2021.

Em seu relatório financeiro trimestral, a empresa sediada nos EUA relatou US$31,5 milhões em receitas relacionadas à mineração no período de três meses – um aumento de cerca de 1.540% em relação à receita do segundo trimestre de 2020 de US$1,9 milhão.

As crescentes receitas de mineração geraram um lucro líquido trimestral recorde de US$19,3 milhões. Em contraste, a empresa sofreu um prejuízo líquido de US$10,6 milhões no segundo trimestre de 2020.

A Riot detinha $195,4 milhões em dinheiro e participações em Bitcoin em 30 de junho de 2021. Em 31 de julho, o saldo BTC não auditado da empresa era de 2.687 BTC (aproximadamente $132,6 milhões).

A empresa também relatou um aumento de 38% no número total de BTC minerados em comparação com o trimestre anterior, com a Riot gerando 675 BTC em comparação com 491 BTC no primeiro trimestre.

O CEO da Riot Blockchain, Jason Les, atribuiu os resultados surpreendentes da empresa à aquisição da Whinstone U.S. no início de abril – a maior instalação de mineração BTC com base no Texas, declarando:

“A Riot está expandindo agressivamente sua capacidade em Whinstone, que deve fornecer a infraestrutura crítica necessária para executar com sucesso o crescimento contínuo da empresa.”

Durante o segundo trimestre, a Riot iniciou uma expansão de 400 megawatts em Whinstone com quatro edifícios totalizando cerca de 240.000 pés quadrados que estão atualmente em construção. A Riot comprou as instalações por $650 milhões.

Em abril, a produção de Bitcoin da Riot saltou 80% em comparação com os níveis anteriores à redução pela metade. A empresa continuou sua expansão, comprando mais 42.000 Antminers da Bitmain no mesmo mês.

Em resposta às notícias, as ações da Riot saltaram 7,6%, para US$36,93, em relação ao fechamento da semana em US$34,32.

Veja mais em: Criptomoedas | Mineração | Notícias

Compartilhe este post

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.