Binance aponta que valorização das altcoins está próxima

altcoins

Quando falamos em criptomoedas ou moedas digitais, a primeira coisa que vem a mente é o Bitcoin. No entanto, o Bitcoin está longe de ser a única criptomoeda existente: existem várias outras, sendo chamadas de altcoins. O motivo de sempre lembrarmos dele é devido a sua alta popularidade.

De longe o BTC é a criptomoeda mais famosa de todo o criptomercado, além de ser aquela que apresenta maior “segurança” para o investidor. Sua fama vem de uma alta valorização no passado, saindo da casa dos centavos de dólar para a ordem do milhar. De fato, esse crescimento repentino atraiu a atenção de muitas pessoas, e desde então é a moeda virtual preferida dos investidores.

Conforme o tempo foi passando, outras criptos surgiram no mercado, e as mais comuns são bifurcações do próprio Bitcoin. Dessa forma, seguem a mesma lógica do BTC, mas possuem algumas peculiaridades. O desenvolvimento de criptos se intensificou a partir de 2013, mas nem todas as criptos daquela época continuam no mercado.

Nos dias de hoje, temos o Bitcoin como o rei do criptomercado, e algumas altcoins vindo logo em seguida. Porém, quando comparamos o preço do BTC e das outras criptos, temos uma notável diferença de valor, onde o BTC chega a até 9 vezes o valor da segunda colocada.

No entanto, como você já deve ter percebido, o Bitcoin está assustando um pouco seus investidores, e isso pode causar um momento de alta para as altcoins. O departamento de pesquisa da Binance aponta este cenário também.

Binance sugere temporada de altcoins

Em um relatório emitido pela Binance Research, centro de pesquisa de mercado da Binance, no dia 6 de fevereiro de 2020 foi apontado que veremos um mercado de altcoins “renovado”. A razão disso tudo? A queda no volume de transações envolvendo o Bitcoin.

De fato, segundo o relatório, houve uma queda de 40% para 27% nas negociações com o BTC, sendo uma mudança bastante significativa para o criptomercado. Segundo o relatório, se isso continuar podemos ver um aquecimento nas transações de altcoins.

Uma das altcoins que está em seu momento de glória é o Ethereum. Seu volume mensal cresceu 158,6%, além de haver um aumento de spot de 60%, comparado com janeiro. Isso significa uma renovação de interesse por parte de traders e investidores nessa moeda.

Motivo de crescimento do Ethereum

O Ethereum, além de uma criptomoeda, também é um sistema blockchain onde desenvolvedores podem criar projetos a vontade. Isso significa, em suma, uma maior popularização desse criptoativo, o que faz seu nome circular muito mais facilmente entre a população mundial.

Além disso, ao permitir que projetos sejam realizados dessa forma, o medo em relação a tecnologia envolvida na cripto acaba por desaparecer aos poucos, pois ela se torna algo “palpável” para as pessoas. Da mesma forma, a possibilidade da transação do Ethereum para a Proof-of-Stake também é bastante interessante, assim como a tecnologia de contratos inteligentes realizados um sobre o outro.

A”proatividade” da Ethereum é um grande diferencial para essa criptomoeda, pois além de ajudar na captação de investidores para ela própria, ainda atrai mais investidores para o mercado cripto.

Compartilhe este post

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.