Início»Mineração»BitFury usando resfriamento líquido para reduzir temperaturas de máquinas

BitFury usando resfriamento líquido para reduzir temperaturas de máquinas

2
Compartilhamentos
Pinterest Google+

BitFury usando resfriamento líquido para reduzir temperaturas de máquinas. Alternativa que pode se tornar muito popular entre as grandes mineradoras.

A BitFury fez o que muitos pequenos mineradores estão estudando para fazer. Submergiu suas máquinas em um líquido não-condutivo e assim diminui a temperatura das máquinas e consequentemente optimizou seus processamentos e diminuir os custos com refrigeração.

Todo mundo que trabalha com computação sabe que algumas pessoas levam ao extremo o caso de super aquecimento. As altas temperaturas dos componentes tecnológicos de qualquer máquina, pode prejudicar seu desempenho, reduzir sua vida útil e, no pior dos casos, queimar o equipamento.

Pensando nisso, algumas pessoas mergulham seus equipamentos em tanques com líquidos que não-conduzem eletricidade, assim os equipamentos, apesar de submersos, conseguem trabalhar normalmente.

Mas e se isso fosse feito com uma ASIC?

BitFury usando resfriamento
BitFury usando resfriamento líquido para reduzir temperaturas de máquinas

Foi o que fez a Bitfury, que planeja reduzir os custos de sua usina de 40 megawatts em Tbilisi, Geórgia, enquanto minera os bitcoins restantes da rede.

Segundo a Bloomberg, o investimento da empresa em tecnologia de resfriamento sinaliza a expansão das criptomoedas. Afinal de contas, ninguém investira milhares de dólares em um mercado falido.

Em uma visita em julho a Bitfury em Tbilisi, com vista para as montanhas do Cáucaso, a Bloomberg testemunhou 160 tanques de resfriamento com fluido de engenharia extensiva. A empresa está usando um líquido da 3M Co. chamado Novec, que foi usado para extrair água do deserto e conter incêndios em automóveis.

Leia Também:  Suspeito do roubo de 600 super computadores de mineração foge em avião

Valery Vavilov, CEO da Bitfury, observou que o resfriamento líquido pode reduz os requisitos de espaço e o consumo de energia. Ele disse que a atividade de mineração continua lucrativa e que a empresa está otimista com as perspectivas de longo prazo do bitcoin.

O sistema de resfriamento reduz a quantidade de espaço necessário para mineração em um terço, de acordo com Kar-Wing Lau, fundador da Allied Control, um fornecedor de sistemas de resfriamento que a Bitfury adquiriu.

Fonte: CCN

 

Siga-nos nas redes sociais
Canal no Telegram Siga-nos no Facebook Acompanhe nosso Twitter Siga-nos no Instaram
Artigo anterior

Regulamentação das criptomoedas deve evitar inibir a inovação diz presidente da CFTC

Próximo artigo

82% das moedas digitais usam código plagiado de acordo com uma nova pesquisa

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.