CEO da Coinbase lança fundo de criptomoeda para caridade e espera levantar US$ 1 bilhão

Os investidores de criptomoedas acumularam muito dinheiro em um curto período de tempo e agora é hora de retribuir. Essa é a filosofia que inspirou Brian Armstrong, CEO da Coinbase, a lançar um novo fundo de caridade.

Armstrong anunciou a iniciativa GiveCrypto em um post hoje.

O fundo visa fornecer financiamento direto em criptomoedass para pessoas necessitadas em todo o mundo. Armstrong sugere que isso também ajudará a popularizar as criptomoedas e explorar novos casos de uso.

De acordo com Armstrong, as doações feitas em criptomoeda também chegarão diretamente às pessoas sem a possibilidade de corrupção:

A criptomoeda é única, pois pode ser usada para enviar pequenas quantias de dinheiro para qualquer lugar do mundo, em tempo real, diretamente para um indivíduo necessitado, elas precisam apenas de um dispositivo móvel com conexão à Internet. Com a distribuição de ajuda a países estrangeiros, altas taxas e corrupção são infelizmente comuns; criptomoeda é uma maneira de contornar ambos.O fundo já arrecadou US$ 3,5 milhões até o momento, incluindo um financiamento de US$ 1 milhão do próprio Armstrong. Chris Larsen, presidente executivo e co-fundador da Ripple também doou mais de um milhão de dólares para o fundo.

Outros influenciadores da indústria de criptomoedas também doaram acima de US$ 100.000, incluindo Bitmain, gigante da mineração, e o capitalista de risco Fred Wilson.

A GiveCrypto começará a distribuir as doações assim que arrecadar US$ 10 milhões. Mas a meta de longo prazo do fundo é levantar mais de um bilhão de dólares nos próximos dois anos.

Vale a pena notar que esta é a iniciativa pessoal de Armstrong, e não um empreendimento formal da Coinbase.

Compartilhe este post

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.