Coinbase pretende lançar suporte a novas criptomoedas mas teme por regulamentos

O suporte a novos ativos de digitais pode ser uma “prioridade máxima” para a Coinbase, mas qualquer acréscimo dessa ordem pode não estar próximo no horizonte.

De acordo com Dan Romero, gerente geral da Coinbase, a bolsa de São Francisco quer adicionar várias novas criptomoedas de acordo com o feedback dos clientes, mas está caminhando com cautela, já que os reguladores dos EUA deliberam sobre como poderiam tratar certos usos da tecnologia.

“A realidade da situação regulatória nos impede de fazer isso imediatamente”, disse ele.

Especificamente, Romero mencionou a Comissão de Valores Mobiliários (Securities and Exchange Commission – SEC), que dizem ter dúzias de investigações em andamento sobre oferta inicial de moedas (ICOs). Enquanto a especulação está em curso sobre a natureza das investigações, o regulador parece estar reunindo informações em um esforço para decidir quando um token de ICO é de fato seguro.

Mas como a Coinbase não é uma corretora licenciada, pelo menos não ainda, não pode negociar instrumentos que se qualifiquem como títulos.

E o que a empresa não quer é adicionar ativos digitais à sua plataforma e, em seguida, ser ordenado a removê-los novamente, como várias bolsas em Hong Kong tinham que fazer quando os tokens de ICOs eram retroativamente considerados títulos em fevereiro.

“Quando chegamos a um ponto em que sabemos quais moedas e ativos digitais são títulos, quais são commodities, dinheiro ou moeda, seria imensamente útil”, disse Romero, acrescentando:

“Se o ambiente regulatório ficar mais claro, acho que você verá a Coinbase adicionando muitos novos ativos à nossa plataforma.”

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário