Coinbase recebe licença e-Money e expande suas fronteiras no Reino Unido

A Coinbase, uma das maiores bolsas de criptomoedas dos Estados Unidos, disse que obteve uma licença de e-money no Reino Unido. O certificado, que expande os serviços da exchange na Europa, foi dada a uma subsidiária local que também abriu uma conta no banco Barclays Plc, que facilitará depósitos e retiradas para clientes.

A licença permitirá que a Coinbase forneça serviços de pagamento e emita dinheiro eletrônico no país, permitindo que a casa de câmbio de criptomoedas conquiste mais parcerias com outras empresas, disse a exchange americana, em um comunicado nesta quarta-feira. Os direitos, concedidos pela Autoridade de Conduta Financeira da Nação, se estenderão a mais de 20 países da União Europeia, afirmou.

A Coinbase, com sede em São Francisco, que ajuda os investidores a comprar e vender Bitcoin e outras moedas virtuais importantes, disse que os negócios na União Europeia cresceram ao dobro do ritmo de qualquer outro mercado no ano passado e que está contratando no Reino Unido para atender a demanda. Na quarta-feira, a empresa disse que começará a apoiar as transações dos clientes institucionais através do regime de pagamentos mais rápido do país. Uma rede utilizada pelo setor financeiro tradicional.

A empresa está trabalhando com o banco Barclays para oferecer aos usuários “uma experiência mais familiar”, afirmou, Zeeshan Feroz, chefe da Coinbase Reino Unido. Tal conta seria notável porque alguns bancos importantes, sob a pressão do governo para rastrear fluxos de dinheiro por sinais de atividade ilícita, resistem em lidar com fundos de empresas que lidam com ativos digitais, que são frequentemente ligados a lavagem de dinheiro. O Banco que aceitou trabalhar com a Coinbase é da Estônia e irá processar transações de clientes no Reino Unido.

A Coinbase está evoluindo o seu mercado e crescendo a um ritmo acelerado. Esse mês a maior exchange das Américas confirmou que iria lançar um índice de criptomoedas que poderia ser negociado, semelhantemente aos índices que encontramos em mercados financeiros convencionais.

O anúncio veio do COO da Coinbase, Asiff Hirji, que foi convidado para o Money Fast da CNBC para fazer “o grande anúncio que arrasaria o mundo das criptomoedas para sempre”. Hirji disse que tanto o fundo como o índice estarão disponíveis em breve.

“É uma maneira muito simples de usar e fácil de obter exposição a criptomoedas que oferecemos na nossa troca”, disse ele.

A Coinbase espera dar aos investidores a oportunidade de negociar as principais tendências do mercado de criptomoedas, apoiando o amadurecimento desta classe de ativos. Hirji revelou que a empresa lançaria mais fundos similares nos próximos meses.

Esperamos que mais empresas se dediquem a aumentar e expandir o mercado de criptomoedas, assim como a Coinbase tem feito.

Deixe um comentário