Enjin: Criptomoeda sobe 42% após Parceria

A criptomoeda enjin é voltada para jogos digitais, e após fechar uma parceria com a Microsoft, subiu notáveis 42%. De acordo com notícias recentes, a parceria foi feita para criar o Azure Heroes. O objetivo deste projeto é premiar criadores de conteúdo que dão visibilidade ao Azure.

A premiação ocorrerá em formas de tokens virtuais, e contará com as categorias de Mentor, Criador, Herói da Comunidade e Criador Herói. No entanto, os tokens são limitados, ou seja, será necessário lançar mais a cada nova premiação.

O aumento repentino do enjin foi notável pelo fato de subir 42% em apenas 24h. Porém, mesmo que o mercado de criptomoedas oscile muito, essa ocorrência ainda é extraordinária. É comum, por exemplo, subir ou descer este tanto em alguns meses, mas não em algumas horas.

Veja: Principais criptomoedas!

Os games e a tecnologia blockchain

Não é novidade a união entre games e criptomoedas. De fato, uma das maiores corretoras de Bitcoin era uma loja de cardgame voltada para o Magic. Foi somente em 2014 que resolveu entrar de vez neste novo mercado de moedas digitais.

Atualmente, há notícias sobre desenvolvedoras de jogos buscando tokenizar itens de games. Para isso, estão utilizando blockchain e fazendo uso de itens limitados.

Uma empresa envolta em mistérios é a Ubisoft. De acordo com notícias do mercado, ela teria fechado parceria com a criptomoeda EON. Além disso, tudo indica que está realizando testes em segredo relacionado a tecnologia blockchain.

No novo aplicativo da Samsung para gerenciamento de criptomoedas, a empresa já pensou no futuro e incluiu a enjin. Dessa forma, devia ao grande alvoroço em torno desta moeda digital, pretende ficar a frente de seus concorrentes.

Outro acontecimento notável foi o investimento milionário da Ripple na indústria de games. Para tanto, foi aberto um fundo apenas para esse propósito. O objetivo disso é estar sempre na vanguarda de novas tecnologias.

Serás que estamos diante de uma mudança real ou apenas de um hype passageira?

A gigantesca indústria dos jogos e a Enjin

Com o passar do tempo, muitas empresas tentaram trazer moedas digitais para o mundo físico. No entanto, essa é uma tarefa árdua, não sendo concretizada até o momento. Uma das principais causas disso é a volatilidade das criptomoedas.

Além disso, realizar compras usando dinheiro que muda de valor o tempo todo é complicado para o mercado. O fornecedor não tem confiança no valor que está sendo recebido. Ou seja, de que adianta aceitar R$20 se no final do dia pode estar valendo apenas R$5?

Quando olhamos o cenário da Enjin, vemos uma tentativa de trazer moedas digitais para a realidade do dia a dia. Assim, é um passo fundamental para o futuro dessas moedas. Muito provavelmente sua grande valorização se deu por conta disso.

Utilizar jogos para realizar tal feito parece uma alternativa viável. Como tanto a moeda digital quanto os games estão em um ambiente virtual, relacioná-los se torna mais simples. Dessa forma, os games podem ser a entrada para o uso de criptomoedas no dia a dia. Se isso não se concretizar, pelo menos serão intermediários para essas operações.

Veja: Donald Trump ataca as criptomoedas e sinaliza uma guerra cambial global!

Deixe um comentário