Esquema sul-coreano de pirâmides engana investidores

Esquema sul-coreano de pirâmides engana investidores

Uma queixa oficial foi realizada por 950 investidores, os quais alegaram serem vítimas de um esquema de ponzi relacionado a criptomoedas. As autoridades sul-coreanas estão investigando o caso.

Segundo a TV Chosun, a polícia está investigando relatos de que mais de 160 indivíduos teriam operado o suposto golpe, conhecido como Futurenet. Contudo, a equipe do Futurenet também é suspeita de roubar quase 20 bilhões de won (US$ 16,66 milhões) de investidores e transferir o dinheiro via criptomoeda.

Investidores compraram usando criptomoedas

De acordo com as vítimas, elas foram enganadas supostamente ao comprar um “pacote de publicidade”, utilizando criptomoedas. Nenhum pacote foi adquirido como resultado da compra.

A investigação ainda está nos estágios iniciais segundo um policial da delegacia de Seocho de Seul. Portanto, não se sabe mais detalhes sobre a estrutura ou as criptomoedas envolvidas. Nenhuma prisão foi realizada até o momento desta publicação.

A Agência de Polícia Metropolitana de Seul lançou uma investigação criminal em 12 de junho, nas últimas semanas, que levou à busca e apreensão de duas exchanges de criptomoedas sem nome.

Esses esforços foram realizados com a esperança de desmantelar um grupo criminoso do Ethereum (ETH) no valor de US$ 41,5 milhões.

Veja mais em: Criptomoedas | Notícias

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário