Europol prende hackers por roubo de US$ 27 milhões em Bitcoin

Europol prende hackers por roubo de US$ 27 milhões em Bitcoin

A Europol prendeu recentemente seis pessoas acusadas de participar de um roubo de US$ 27 milhões em bitcoin.

A Europol conduziu a detenção em coordenação com a Unidade Regional de Crimes Cibernéticos do Sudoeste do Reino Unido, a polícia holandesa, a Eurojust e a Agência Nacional de Crimes (NCA) do Reino Unido, conforme o comunicado de imprensa realizado em 25 de junho.

Os atacantes presos estavam envolvidos no que é chamado de “typosquatting”, que é identificado como um método fraudulento de roubar credenciais de usuários.

Os meios maliciosos de hacking dependem da criação de um site fraudulento com um nome semelhante ao autêntico, e é aí que o método usa a palavra “erro de digitação” na forma como é chamado “typosquatting”, assim que os usuários acessam o site falso.

O site do golpe registra as credenciais dos usuários assim que eles os fornecem nos campos de login e, em troca, os hackers terão acesso às contas de usuários em questão.

O comunicado de imprensa mencionou também que a Europol acredita que os hackers puderam usar o “typosquatting” para roubar detalhes de login, o que lhes permitiu obter acesso a carteiras de clientes e o que eles possuíam de fundos. Acredita-se que os hackers usaram esse esquema para roubar pelo menos 4.000 bitcoins (BTC) de muitos usuários em 12 países diferentes.

Europol prende hackers por roubo de US$ 27 milhões em Bitcoin
Europol prende hackers por roubo de US$ 27 milhões em Bitcoin.

Vale a pena mencionar, neste contexto, que navegadores de internet específicos foram explorados significativamente no último período de tempo. O Firefox, o conhecido navegador de Internet, funcionou para bloquear um script malicioso dedicado a malware de mineração de criptomoedas, no final do ano passado.

O processo de atualização foi dito ter implementado um método automatizado para bloquear esse tipo de script malicioso, como a corporação decidiu melhorar a experiência geral do usuário.

Os casos de invasão de exchanges de criptomoedas, juntamente com as contas dos usuários em tais plataformas, estão nas manchetes mais recentemente.

Recentemente as autoridades israelenses conseguiram prender dois irmãos israelenses acusados ​​de hackear a conhecida exchange de criptomoedas Bitfinex, ocorrida no começo do mês corrente.

Tanto Eli Gigi quanto seu irmão mais novo, Assaf Gigi, teriam roubado milhões de dólares em criptomoeda, dependendo da criação de “clones que roubam credenciais” de importantes exchanges e carteiras de criptomoedas.

Traduzido e adaptado de: atozmarkets.com

Deixe um comentário