Exchange Exmo sofre hack

Exchange Exmo sofre hack

Exmo, uma exchange de criptomoedas com sede no Reino Unido, sofreu uma grande violação de segurança, fazendo com que a plataforma congelasse todos os saques.

De acordo com um aviso de segurança, a Exmo detectou atividade suspeita de retirada, com grandes quantidades de moedas importantes como Bitcoin (BTC) saindo das carteiras da plataforma.

Maria Stankevich, chefe de desenvolvimento de negócios da Exmo, disse em entrevista que o incidente “não é nada muito sério”, já que as carteiras quentes afetadas representam 5% do total de ativos mantidos pela exchange. O anúncio dizia:

“Vamos enfatizar que todos os ativos nas carteiras frias estão seguros.”

De acordo com o anúncio, outras criptomoedas afetadas incluíram Ether (ETH), XRP, Tether (USDT), Zcash (ZEC) e Ethereum Classic (ETC). A exchange mencionou carteiras criptográficas correspondentes que provavelmente estariam envolvidas no hack, pedindo às exchanges globais que bloqueassem as carteiras associadas.

Stankevich observou que a exchange ainda não calculou o valor das perdas, alegando que a Exmo agora está focada em rastrear o movimento dos fundos retirados.

Exmo lançou uma investigação de segurança e também relatou o caso à polícia de Londres. A empresa pediu aos usuários que não depositassem fundos nas carteiras até que o problema fosse resolvido. Uma declaração da empresa dizia:

“Queremos garantir a você que se algum fundo de usuário for afetado por este incidente, ele será totalmente coberto pela Exmo.”

No início de dezembro, a Exmo recebeu um registro temporário da Autoridade de Conduta Financeira do Reino Unido, permitindo-lhe continuar a negociar por um longo período até 9 de julho de 2021.

Veja mais em: Criptomoedas | Notícias

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *