Fundo de Pensão perde em 3 meses valor equivalente a todo o mercado de BTC

Fundo de Pensão perde em 3 meses valor equivalente a todo o mercado de BTC

No primeiro trimestre de 2020, o maior fundo de pensão do mundo perdeu US$ 164,7 bilhões. Isso é equivalente a toda capitalização de mercado do Bitcoin (BTC).

O GPIF, Fundo de Investimento em Pensões do Governo do Japão, diminuiu em quase 11%, para 150,63 trilhões de ienes ou US$ 1,4 trilhão. Desde 2008 esse é o maior declínio trimestral do fundo.

Fundo de Pensão perde em 3 meses valor equivalente a todo o mercado de BTC

No entanto, o GPIF não estava sozinho em seu fraco desempenho. Outros grandes índices de ações, como a Dow Jones, registraram número negativos. Mas, interessantemente, o desempenho do Bitcoin foi quase idêntico, onde seu preço de 1º de janeiro a 31 de março caiu aproximadamente os mesmos 11%.

Portanto, o status de porto seguro da bitcoin não poderá ser defendido por seus apoiadores. Entretanto, se o GPIF tivesse investido apenas 0,1% de seus ativos sob gestão ou US$ 1,5 bilhão em Bitcoin, no início do primeiro trimestre, isso criaria uma pressão extrema de compra no mercado. O resultado provável – uma corrida massiva de Bitcoin e retornos positivos para a parte criptográfica do portfólio do fundo de pensão.

Exposição ao BTC pode ser boa

Contudo, este teria sido um cenário extremamente improvável. Os fundos de pensão são naturalmente alguns dos investidores mais conservadores. Comprar Bitcoin no valor de US$ 1,5 bilhão – cerca de 208.000 BTC – em um curto espaço de tempo teria sido uma tarefa quase impossível.

O fundo GBTC da Grayscale atualmente possui 386.659 BTC.

Veja mais: Notícias

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário