Ganhando cerveja com energia solar, via blockchain

Ganhando cerveja com energia solar, via blockchain

Victoria Bitter, subsidiária australiana de cerveja lager da Asahi, deu um passo em direção à sustentabilidade ao permitir que os clientes ganhem meio litro com energia solar via blockchain.

De acordo com o comunicado, Victoria Bitter fez parceria com a grande empresa de energia blockchain Power Ledger para desbloquear um novo programa que permite aos participantes trocar o excesso de energia solar por cerveja. O gerente geral de marketing de Victoria Bitter, Brian Phan, disse:

“A única coisa melhor do que beber a Big Cold Beer sob o sol australiano é ganhar cerveja enquanto o faz. Além disso, é uma verdadeira vitória para os amantes da cerveja e para o meio ambiente.”

O novo programa Solar Exchange permite aos clientes rastrear quanta cerveja eles ganharam com base no número de créditos de energia solar trocados com Victoria Bitter. O comunicado dizia:

“Cada US$30 em crédito pode ser trocado por uma placa, que é entregue direto na sua porta.”

O fundador do Power Ledger, Jemma Green, explicou que sua plataforma de blockchain será responsável por rastrear quanta energia os clientes fornecem para a rede. Green, disse:

“Você pode ver quantas garrafas de cerveja você ganhou a cada 30 minutos.”

Usando créditos solares obtidos no programa, Victoria Bitter os reinvestirá de volta no programa ou para as metas de sustentabilidade mais amplas do negócio.

O Power Ledger fornece serviços de comercialização de energia ponto a ponto com base na tecnologia blockchain. No ano passado, a empresa começou a lançar sua plataforma de energia solar baseada em blockchain na Austrália Ocidental, permitindo aos usuários rastrear o consumo de energia e vender seu excedente de energia solar para outros residentes.

Veja mais em: Blockchain | Notícias

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *