Hackers ameaçam revelar dados “secretos” dos ataques de 11 de setembro e pedem resgate em Bitcoin

Hackers ameaçam revelar dados

Hackers nos Estados Unidos ameaçaram revelar dados “secretos” relacionados aos ataques terroristas de 11 de setembro, após alegarem ter acesso a um grande cache de arquivos confidenciais.

Em seu anúncio publicado no Pastebin, o grupo conhecido como The Dark Overlord apontou várias seguradoras e escritórios de advocacia, alegando especificamente que hackeou a Hiscox Syndicates Ltd, a Lloyds of London e a Silverstein Properties.

“A Hiscox Syndicates Ltd e a Lloyds of London são algumas das maiores seguradoras do planeta, assegurando desde as menores políticas até algumas das maiores políticas do planeta, e até mesmo assegurando estruturas como os World Trade Centres”, disse o grupo em anúncio.

O grupo ameaçou revelar os documentos a menos que as vítimas lhes pagassem uma taxa de resgate não revelada em Bitcoin.

Embora não esteja claro quais arquivos exatos o grupo tem acesso, ele está tentando aproveitar as teorias da conspiração em torno dos ataques de 11 de setembro.

Hackers ameaçam revelar dados “secretos” relacionados a ataques de 11 de setembro e pedem taxa de resgate em Bitcoin

“Nós estaremos fornecendo muitas respostas sobre 9,11 conspirações através de nossos 18.000 vazamentos de documentos secretos”, o grupo twittou na segunda-feira.

Um porta-voz do grupo Hiscox confirmou que os hackers haviam violado um escritório de advocacia que assessorou a empresa, e provavelmente roubou arquivos relacionados a litígios em torno dos ataques de 11 de setembro.

O grupo hacker publicou um pequeno conjunto de cartas, e-mails e outros documentos que mencionam vários escritórios de advocacia, bem como a Administração de Segurança de Transportes (TSA) e a Administração Federal de Aviação nos EUA, segundo o relatório.

O grupo ameaçou liberar mais documentos.

Traduzido e adaptado de : outlookindia.com

Deixe um comentário