Início»Blockchain»Mercedes-Benz explora funções de cadeia de suprimentos da tecnologia blockchain

Mercedes-Benz explora funções de cadeia de suprimentos da tecnologia blockchain

29
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Embora complicado de implementar, blockchain é uma tecnologia interessante quando se trata de fornecer transparência e responsabilidade.

Por essa razão, um número significativo de empresas está explorando a implantação e o uso de soluções blockchain em suas funções de cadeia de suprimentos – incluindo a Mercedes-Benz.

A montadora alemã anunciou recentemente que está testando a tecnologia blockchain com um parceiro, a fim de trazer mais transparência em sua complexa cadeia de suprimentos.

A Mercedes-Benz, uma divisão da Diamler, exige que seus fornecedores diretos passem vigorosamente e controlem os padrões e obrigações contratuais com relação às condições de trabalho, direitos humanos, proteção ambiental, segurança, ética nos negócios e conformidade dentro da cadeia de fornecimento.

“A tecnologia Blockchain tem o potencial de revolucionar fundamentalmente nossos processos de aquisição e pode afetar quase toda a cadeia de valor”, disse um membro da diretoria da divisão de Qualidade de Fornecedores da Mercedes-Benz Cars, Procurement e Wilko Stark.

“Cadeias de suprimentos globais estão se tornando cada vez mais complexas. Com o nosso protótipo Blockchain, estamos na primeira etapa testando uma das diversas aplicações possíveis com o objetivo de aumentar a transparência além de nossos fornecedores diretos. ”

Cadeias de suprimentos prosperam no blockchain

De acordo com a equipe, blockchains permitem o mapeamento transparente e a compreensão da transmissão em toda a cadeia de suprimentos.

“Se um dos subfornecedores se desviar das obrigações contratuais, isso fica visível no blockchain, semelhante a um sistema contábil seguro”, explicou a equipe.

A colocação de cláusulas contratuais no blockchain cria um livro de transações sustentável. Como resultado, a divulgação e a confirmação dos requisitos de sustentabilidade da Daimler podem ser re-rastreados por todos os participantes da cadeia de suprimentos.Isso garante que as práticas contratuais e de aquisição globais atendam aos requisitos rigorosos prescritos pela Daimler.

Leia Também:  Empresa de Blockchain Alemã é mais uma se mudando para Ilha de Malta
Mercedes-Benz explora funções de cadeia de suprimentos da tecnologia blockchain.

Além disso, o protótipo oculta informações confidenciais e cria confiança na integridade da cadeia de suprimentos ao divulgar informações relacionadas à sustentabilidade, sem revelar informações relevantes sobre a concorrência.

Blockchains bem sucedidos precisam de um ecossistema

“A transmissão de contratos para cada membro da cadeia de fornecimento é o pré-requisito da cooperação com nossos fornecedores, especialmente em termos de sustentabilidade e conduta ética”, disse a chefe de compras e qualidade de fornecedores de matérias-primas e estratégia da Mercedes-Benz, Sabine Angermann.

“O protótipo Blockchain abre maneiras completamente novas de tornar os processos de compra mais simples e seguros.”

O piloto da empresa depende do fato de que o protótipo que criou é intuitivo e fácil de usar.

A equipe percebe a importância de construir um ecossistema ao redor do blockchain para que este projeto seja um sucesso. Consequentemente, o estabelecimento da tecnologia blockchain com todos os fornecedores na respectiva cadeia de fornecimento é um requisito fundamental para a consecução da meta: cooperação estreita para maior sustentabilidade.

A Mercedes-Benz disse que o protótipo já foi apresentado a fornecedores e parceiros. Agora está sendo testado em um projeto piloto e o feedback está sendo obtido.

Se tudo correr bem, espera-se que o projeto seja ampliado e forneça um forte caso de uso para outras empresas que exploram o uso de blockchain na cadeia de fornecimento.

Traduzido e adaptado de : techwireasia.com

Siga-nos nas redes sociais
Canal no Telegram Siga-nos no Facebook Acompanhe nosso Twitter Siga-nos no Instaram
Artigo anterior

O que a Microsoft poderia fazer pelas ICOs?

Próximo artigo

Mineradora de Monero Coinhive decide fechar

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.