Nova geração de hardware

Nova geração de hardware

ASIC MicroBT, fabricante de hardware para bitcoin (BTC), expõe novo hardware de mineração, mostrando uma taxa de hash de 100 terahashes por segundo (TH / s). Isso mostra o crescimento da concorrência dos principais fabricantes da ASIC, depois da pré-venda da Bitmain de seus Antminers S19.

O evento de revelação aconteceu online para 4.000 usuários no dia 17 de abril. A nova série M30 de mineradores de bitcoin da MicroBT, oS30S ++ e o MS30S+ foi revelada. Então, a principal unidade revelada pela empresa – o modelo ++, com capacidade de 112 TH/ S, com uma eficiência de energia de 31 joules por terahash (J / TH). O M30S + registra-se em 100TH / s com 34 J / TH de eficiência. Portanto, o valor de venda proposto para essas mineradoras são de, respectivamente, US $ 3.900 e US $ 2.800. Além disso, garantia atual oferecida é de 1 ano, sendo que anteriormente era apenas de 180 dias.

A previsão de lançamento é para o mês de junho desse ano, mas a pandemia de coronavírus pode atrasar a entrega de suprimentos.

Concorrência entre MicroBT e Bitmain

Foi revelada pela Bitmain, no mês de fevereiro, sua série S19 ASIC pós-halving, tendo sido esgotada em um dia após inicio da venda.

Contudo, a taxa de hash do Antminer S19 Pro é de 110 TH/ s, com uma energia de eficiência de 29,5 J / TH, enquanto o padrão S19 gera 95 TH / s a ​​34,5 J / TH. O valor é, respectivamente de US $ 2.633 e US $ 1.964, tendo envio sido adiado para junho, em que inicialmente seria em maio.

A MicroBT foi criada em 2017 pelo CEO Yang Zuoixing – ex-funcionário da Bitmain, que disse ter sido o principal diretor da série Bitmain Antminer, incluindo suas populares séries S7 e S9.

A empresa vendeu cerca de 90.000 unidades M1 e M3 até o ano de 2018, sendo aproximadamente 7,2% do hashrate total de BTC nessa data. Posteriormente, no ano seguinte, as vendas foram de mais 300.000 unidades M3. O aumento nas vendas aumentou a participação da empresa na taxa de hash em aproximadamente 9%.

Em maio de 2019 foi lançada a série M20 da MicroBT, que vendeu cerca de 600.000 unidades, correspondendo a 35% do poder de hash até dezembro do mesmo ano.

Veja mais em: Mineração

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário