Por que a SEC está enrolando tanto pra liberar o ETF do Bitcoin?

A Comissão de Valores Mobiliários dos EUA rejeitou uma proposta dos gêmeos Winklevoss para estabelecer um fundo negociado em bolsa com base em Bitcoin, e ficou claro em seu raciocínio: a agência não pode ter certeza de que o preço do Bitcoin não está sendo manipulado.

Cameron e Tyler Winklevoss fizeram um primeiro mergulho no mundo da tecnologia durante os primórdios do Facebook, como mostra o filme de 2011, The Social Network . Desde então, eles se tornaram dois dos mais proeminentes empreendedores do Bitcoin. Um fundo negociado em bolsa, ou ETF, é um fundo que possui uma cesta de ativos subjacentes, que pode ser ações, títulos, commodities ou outros tipos, e oferece ações negociáveis ​​a investidores. Os gêmeos Winklevoss querem criar um ETF cujos ativos subjacentes sejam bitcoins.

O voto de 3-1 para bloquear a proposta é a segunda vez que a SEC rejeita um ETF proposto pelos gêmeos Winklevoss. A última rejeição veio em março de 2017. A decisão é um revés para os entusiastas do Bitcoin, uma vez que muitos observadores esperam que um ETF Bitcoin regulado levaria a um influxo de investidores institucionais e, por sua vez, legitimaria ainda mais o mercado.Em uma análise demorada, a SEC lamenta a falta de dados disponíveis para estudar o mercado Bitcoin de hoje, onde grande parte da negociação ocorre em bolsas de valores não regulamentadas em outros países. Ele cita pesquisas acadêmicas recentes sugerindo que algumas dessas exchanges podem estar manipulando o preço do Bitcoin. E diz que, no geral, não pode concluir que o fundo da Winklevoss seria suficientemente resistente à fraude.

A SEC também ficou clara em sua análise de que não fechou a porta aos ETFs da Bitcoin, e a Reuters informa que há pelo menos cinco propostas adicionais da ETF ainda pendentes. Não se surpreenda se os gêmeos Winklevoss eventualmente voltarem para o prato também.

Compartilhe este post

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.