Início»Criptomoedas»Quem sair por último apaga a luz: Bancos e o medo das Criptomoedas

Quem sair por último apaga a luz: Bancos e o medo das Criptomoedas

2
Compartilhamentos
Pinterest Google+

À medida que as novas tecnologias de pagamento – como as moedas digitais – tornam o dinheiro vivo menos necessário para as pessoas, mais empresas dizem serem afetadas por essa nova tendência.

A gigante no setor dos caixas 24 horas, Cardtronics, disse em um relatório feito aos seus acionistas e que foi arquivado pela Comissão de Valores Mobiliários (SEC) que as criptomoedas poderiam afetar seus negócios.

“As novas tecnologias de pagamento, como a Venmo, Zelle  e as moedas virtuais, como o bitcoin, poderia reduzir a necessidade ou demanda de dinheiro da população em geral e impactar negativamente nos volumes de transações no futuro”, escreveu a empresa.

A corporação também acrescentou que as mudanças na indústria poderiam afetar a linha de fundo: “A proliferação de opções de pagamento e mudanças nas preferências dos consumidores e no comportamento de uso pode reduzir a necessidade de caixas e ter um impacto material adverso em nossas operações e fluxos de caixa”.


O relatório veio junto com a notícias de que a JPMorgan Chase vê o marcado de criptomoedas como uma ameaça ao seus negócios.

A instituição financeira avaliou o impacto das criptomoedas no processamento de pagamentos em sua seção de “fatores de risco”. Como resultado, o banco pode ter que apresentar novos produtos ou modificar ofertas existentes.

“Tanto as instituições financeiras como seus concorrentes não bancários enfrentam o risco de que o processamento de pagamentos e outros serviços possam ser interrompidos por tecnologias, como as criptomoedas, que não requerem intermediação”, escreveu o banco no seu relatório.

A empresa também disse que “As novas tecnologias exigirão ou poderão exigir que o JPMorgan Chase gaste mais para modificar ou adaptar seus produtos para atrair e reter clientes ou combinar produtos e serviços oferecidos por seus concorrentes, incluindo empresas de tecnologia”.

Leia Também:  Shopping lança sistema de pagamentos em criptomoedas para todas as suas lojas

A também instituição financeira, Bank of America  (BoA), informou que as criptomoedas poderia representar uma ameaça substancial para seus negócios  em sua apresentação anual para a SEC. A BoA, que é o segundo maior banco dos Estados Unidos por ativos, nunca tinha emitido uma nota de aviso sobre criptomoedas antes.

Fica cada vez mais notório o medo que plana sobre as instalações de cada corporação, as criptomoedas está de fato mudando paradigmas e conquistando novos adeptos ao redor do mundo. Você acredita que os bancos ou outras empresas financeiras estão com os dias contados? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

___________________________________
Siga-nos em nossas redes sociais:
Facebook: https://www.facebook.com/99cripto
Telegram: http://telegram.me/cripto99br
Twitter: https://twitter.com/99Cripto

Siga-nos nas redes sociais
Canal no Telegram Siga-nos no Facebook Acompanhe nosso Twitter Siga-nos no Instaram
Artigo anterior

Japão: 132 investidores procuram reembolso junto à Coincheck

Próximo artigo

Deu ruim! 600 máquinas de mineração são roubadas na Islândia

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.