Ripple quer clareza regulatória da SEC

XRP quer clareza regulatória da SEC

Enquanto a Ripple (XRP) se prepara para realocar sua sede fora dos Estados Unidos, verifica-se que apenas 5% dos clientes da empresa estão baseados no país, de acordo com o CEO da empresa.

O CEO da Ripple, Brad Garlinghouse, entrevistou a âncora da CNN, Julia Chatterley, para discutir os obstáculos regulatórios da Ripple para operar nos EUA.

De acordo com Garlinghouse, até 95% dos clientes da empresa sediada em São Francisco estão localizados no exterior. Ele afirmou que os serviços da Ripple não são tão populares nos EUA devido à incerteza regulatória em curso em torno de seu token associado XRP. Garlinghouse disse:

“95% dos nossos clientes não são americanos e apenas cerca de 5% estão aqui nos Estados Unidos. E as pessoas dizem ‘Você é uma empresa americana, […] por que isso?’ Uma das dinâmicas é que as empresas americanas estão esperando por clareza, e essa clareza emana da Securities and Exchange Commission.”

Garlinghouse observou que a SEC reconheceu outras criptomoedas importantes como Bitcoin (BTC) e Ether (ETH) como não-títulos anos atrás. No entanto, XRP, a terceira maior criptomoeda por capitalização de mercado, ainda não tem essa clareza:

“Para nós, XRP e mais de 100 empresas que estão trabalhando com XRP obtendo essa clareza, está muito claro para mim que o XRP está sendo usado por muitas empresas como moeda. Você fez com que o Departamento de Justiça dos EUA se referisse ao XRP como uma moeda, e o FinCEN se referisse ao XRP como uma moeda. Mas você ainda não teve essa clareza da SEC.”

De acordo com Garlinghouse, a Ripple teve alguns problemas com clientes dos EUA preocupados com o status regulatório das ofertas relacionadas a XRP da Ripple:

“Muitas vezes, quando estou falando com os clientes, falando com eles sobre nosso produto que usa XRP nos fluxos de pagamento, eles me perguntam sobre a dinâmica regulatória, e tivemos clientes dizendo ‘Olhe, até que haja clareza e estruturas regulatórias, nós vamos adiar’. Agora, esse não foi o caso por causa da clareza e da certeza em outros países como o Reino Unido.

Comentários anteriores de Garlinghouse sugerem que Ripple está querendo que a SEC trate o XRP da mesma forma que trata o Bitcoin ou Ether.

Veja mais em: Criptomoedas | Notícias

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *