Início»Criptomoedas»Bitcoin»Efeito do mercado: Ninguém busca mais por “Preço do Bitcoin” no Google

Efeito do mercado: Ninguém busca mais por “Preço do Bitcoin” no Google

10
Compartilhamentos
Pinterest Google+

O Efeito do mercado chegou nas pesquisas do Google. Termo “Preço do Bitcoin” foi buscado pela menor quantidade de vezes dos últimos anos.

Anúncio

Dados do Google Trends revelam que o termo de pesquisa está se aproximando de níveis historicamente baixos de popularidade não vistos desde 2015 devido ao efeito da queda do mercado da criptomoeda.

O Google Trends descreve-se como um recurso da web pública que fornece aos usuários informações sobre a frequência de termos de pesquisa específicos em relação ao volume total de pesquisas realizadas por usuários da Internet em todo o mundo. Usando seu serviço, é possível ter uma idéia do nível de interesse em negociação de bitcoin usando a frequência de pesquisa como proxy.

Efeito do mercado
Efeito do mercado: Ninguém busca mais por “Preço do Bitcoin” no Google

Os dados disponíveis mostram que, de 2013 até o início de 2017, a frequência de pesquisa para o termo era predominantemente plana, com alguns pequenos picos de tempos em tempos. Tudo isso mudou a partir de maio de 2017, quando a bitcoin embarcou em sua campanha de recordes, chegando a US$ 20.000 no final do ano.

O período de pico para as buscas pelo ‘preço do bitcoin’ foi o período entre dezembro de 2017 e janeiro de 2018, quando o bitcoin atingiu seu preço recorde, atraindo a atenção do investidor frenético no processo. O período entre 24 de dezembro e 30 de dezembro de 2017 registrou o maior número de pesquisas para o termo.

Apenas dois meses depois, em fevereiro de 2018, a frequência do termo de pesquisa caiu pela metade, à medida que o bitcoin encolheu para menos da metade do preço de pico. A frequência de busca continuou em uma tendência de queda constante, interrompida apenas por um curto período entre 10 de junho e 16 de junho, acompanhando uma alta do preço do bitcoin.Atualmente, a frequência de pesquisa do “preço de bitcoin” em todo o mundo está em 7 de 100, seu ponto mais baixo desde julho de 2017, e está caindo. Exceto por uma alta repentina no preço do bitcoin, parece que a frequência de busca está destinada a atingir os níveis de 2015, que atingiram o pico em 2 de 100.

Leia Também:  Baidu proíbe discussões relacionadas à criptomoedas em sua plataforma

Esse rali de mercado não parece estar em jogo no momento, já que o bitcoin continua teimosamente preso em torno de US$ 6.500, com o mercado de criptomoedas mais amplo também não mostrando nenhum sinal de movimento ascendente sustentado.

Efeito do mercado
Efeito do mercado: Ninguém busca mais por “Preço do Bitcoin” no Google

O Curioso Caso de “Hodl” e “Rekt”
Curiosamente, os dados do Google Trends também mostram que a frequência de pesquisa de “Hodl”, um erro de digitação transformado em terminologia de meme-investimento na internet, também está caindo drasticamente.

Utilizado para denotar resistência à venda em face de perdas, enquanto esperava por uma corrida de touros, o ‘Hodl’ também atingiu a sua frequência máxima de pesquisa no final de dezembro de 2017.

Desde fevereiro de 2018, no entanto, ele caiu drasticamente, eventualmente ultrapassado em julho pela “Rekt”, outra terminologia de mercado de criptomoedas não-oficial que significa enormes perdas comerciais.

Siga-nos nas redes sociais
Canal no Telegram Siga-nos no Facebook Acompanhe nosso Twitter Siga-nos no Instaram
Artigo anterior

Parceria Ripio e Mercado Livre disponibiliza saques em Bitcoin para vendedores

Próximo artigo

Baidu proíbe discussões relacionadas à criptomoedas em sua plataforma

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.