Bitcoin chega em US$ 51.000 e atinge um novo recorde histórico

O Bitcoin dispara mais de US$ 51.000 para atingir um novo recorde histórico
A criptomoeda mais valiosa do mundo, o Bitcoin, continuou sua alta na quarta-feira, subindo acima da marca de US$ 51.000. Terça-feira tinha atingido US$ 50.000 pela primeira vez.
A criptomoeda atingiu um novo preço recorde de US$ 51.715 por volta das 9:50 GMT, de acordo com dados da Coin Metrics. Atualmente, está sendo negociado 5% a mais do que na terça-feira.

“US$ 50.000 #Bitcoin é o novo normal”, disse Blockstream CSO Samson Mow na quarta-feira.

Ele foi confirmado pela popular conta do Twitter Documenting Bitcoin, que dizia: “Se você acha que US$ 50.000 em um bitcoin é caro, espere até saber que o governo está prestes a imprimir US$ 1.900.000.000.000 do nada.”

Os proponentes do Bitcoin atribuem seu crescimento ao aumento da demanda de investidores institucionais, bem como à compra corporativa de moeda digital de empresas como Tesla, Square e MicroStrategy.

No entanto, cripto-céticos, como o fã de metais preciosos Peter Schiff, estão apontando que o bitcoin pode ser a maior bolha nos mercados financeiros.

Estrategistas do JPMorgan disseram em nota na terça-feira que, a menos que a volatilidade do bitcoin comece a diminuir, seu preço atual “parece insustentável”.

Traduzido e adaptado de: rt.com

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *