BitMex nega as acusações de CFTC e DoJ

BitMex nega as acusações de CFTC e DoJ

Recentemente, em uma postagem publicada no blog, a Bitmex negou as acusações que a Comissão de Negociação de Futuros de Commodities e o Departamento de Justiça moveram contra a exchange e sua administração anteriormente.

A declaração da Bitmex afirma:

“Desde nossos primeiros dias como uma empresa iniciante, sempre procuramos cumprir as leis aplicáveis ​​dos Estados Unidos, conforme essas leis eram compreendidas na época e com base nas orientações disponíveis.”

O que exatamente são as “leis dos EUA aplicáveis” provavelmente será fundamental para o caso. A Bitmex há muito afirma que não atende clientes nos EUA, embora outros antes do CFTC e do DOJ tenham argumentado que isso é uma mentira. O caso da CFTC baseia-se na falha da Bitmex em se registrar na comissão como uma exchange de derivativos nos EUA.

No entanto, o DOJ, argumenta que a exchange falhou deliberadamente em implementar programas eficazes de “conheça seu cliente” e de combate à lavagem de dinheiro, em violação à Lei de Sigilo Bancário. Ambas as agências afirmam que a Bitmex teve anos de advertência de que suas operações eram ilegais.

Em sua postagem negando as acusações, a Bitmex também garantiu aos usuários que as negociações continuarão como de costume. Apesar do fato de que o DOJ prendeu pelo menos um dos fundadores, Samuel Reed.

Veja mais em: Notícias

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário