CEO da FTX doou US$ 5 milhões para campanha de Biden

CEO da FTX doou US$ 5 milhões para campanha de Biden

Sam Bankman-Fried, o CEO da exchange de criptomoedas, FTX, doou US$ 5,2 milhões para a campanha presidencial de Joe Biden.

Conforme relatado pelo Wall Street Journal, a campanha presidencial de Biden recebeu um total de US$ 79,5 milhões dos 100 principais doadores que se autodenominam CEOs. Bankman-Fried é supostamente o segundo maior “contribuidor de CEO” para a campanha, depois de Michael Bloomberg, um co-fundador da empresa de mídia e financeira de mesmo nome, que doou US$ 56 milhões.

As principais contribuições de CEOs para Biden e para o atual presidente Donald Trump ainda são apenas uma gota no oceano. Ambas as campanhas, juntamente com seus patrocinadores externos, arrecadaram US$ 2,2 bilhões de dólares.

Em fevereiro de 2020, a FTX estabeleceu um contrato futuro projetado para permitir que os comerciantes apostassem na reeleição de Trump em 2020. Chamado de token Trump, o contrato expira em $ 1 se Trump vencer a eleição presidencial geral dos EUA em 2020, e $ 0 se perder. De acordo com os últimos dados registrados, a maioria dos comerciantes apostou no “Trump Lose”. A FTX posteriormente lançou um contrato futuro semelhante para o rival de Trump, Biden.

CEO da FTX doou US$ 5 milhões para campanha de Biden

Veja mais em: Notícias

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário