Galaxy Digital comprará a BitGo por US$ 1,2 bilhão

Galaxy Digital comprará a BitGo por US$ 1,2 bilhão

Galaxy Digital, uma empresa de serviços financeiros chefiada por Michael Novogratz, concordou em comprar a empresa de custódia de criptomoedas BitGo por US$ 1,2 bilhão em ações e dinheiro, de acordo com um anúncio feito hoje.

Os acionistas da BitGo receberão US$ 33,8 milhões em novas ações ordinárias da Galaxy Digital e aproximadamente US$ 265 em dinheiro, de acordo com os termos do acordo.

“A aquisição da BitGo estabelece o Galaxy Digital como um balcão único para instituições e acelera significativamente nossa missão de institucionalizar ecossistemas de ativos digitais e tecnologia de blockchain”, disse Novogratz.

A Galaxy Digital atualmente detém mais de US$ 40 bilhões em ativos sob custódia e atende a mais de 150 bolsas e 400 investimentos institucionais. O BitGo, em comparação, processa mais de 30 bilhões de transações por mês e suporta a custódia de mais de 400 criptomoedas.

Olhando para o futuro

A Galaxy afirmou que ganhará cerca de 400 novos clientes globais com a compra. Além do mais, a empresa deverá passar por um “processo de domesticação”, que ela espera que acabe levando a uma listagem nos Estados Unidos no final de 2021.

“O poder da tecnologia, das soluções e das pessoas que teremos como resultado desta aquisição irá desbloquear um valor único para nossos clientes e impulsionar o crescimento de longo prazo para nossos negócios combinados”, acrescentou Novogratz.

A compra também permite que a Galaxy Digital se expanda geograficamente, com a adição de um escritório na Costa Oeste em São Francisco.

Em outro lugar, a Galaxy Digital lançou seu chapéu para o ringue para ser o primeiro Bitcoin ETF dos EUA. Em 12 de abril deste ano, a empresa protocolou seu requerimento na SEC para administrar um ETF na área da NYSE, uma bolsa que oferece suporte a negociações de ações e opções. A Galaxy Digital juntou-se a outras empresas de alto perfil – como a Skybridge Capital de Anthony Scaramucci – em busca da permissão da SEC para estabelecer um ETF nos Estados Unidos.

Traduzido e adaptado de: decrypt.co

Compartilhe este post

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.