Banco Central Francês testa sua moeda digital

Banco Central Francês testa sua moeda digital

O Banco Central da França deve testar a integração da moeda digital do banco central (CBDC) para acordos interbancários depois de selecionar oito candidatos para participar do experimento.

Os candidatos selecionados são Societe Generale, HSBC, Iznes, ProsperUS, Euroclear e Accenture, além de pequenas empresas de criptomoedas como Seba Bank e LiquidShare.

Desde o início de 2020, o Banque de France iniciou o processo de experimentar o CDBC. O objetivo agora é explorar com os parceiros as contribuições potenciais de novas tecnologias para melhorar o funcionamento dos mercados financeiros e, mais particularmente, as liquidações interbancárias.

Para iniciar o projeto, o Banco da França testou com sucesso, em meados de maio, o uso de um blockchain desenvolvido por suas equipes para experimentar o uso de um CDBC para resolver uma emissão de títulos financeiros digitais pela Société Générale Forge.

Outras Experiências

Agora, outras experiências serão realizadas pelo Banco da França em cooperação com os oito participantes selecionados para testar o uso de um euro de banco central digital em acordos interbancários.

Banco Central Francês testa sua moeda digital
Banco Central Francês testa sua moeda digital.

Os experimentos se concentrarão em explorar novos métodos de troca de instrumentos financeiros (excluindo Criptomoedas) por dinheiro do banco central. Também testará a regulamentação em moeda digital do banco central, a fim de melhorar as condições de execução dos pagamentos transfronteiriços e revisitar os métodos de disponibilização da moeda do banco central.

A forte resposta à solicitação de experimentos de empresas financeiras e de tecnologia mostra o interesse em explorar as possíveis contribuições de um euro digital emitido pelo banco central para melhorar o funcionamento dos mercados financeiros, em especial acordos interbancários.

O banco central francês começará a trabalhar com cada uma das oito empresas nos próximos dias para realizar os experimentos nos próximos meses. O euro digital não é esperado para fins gerais do consumidor, mas apenas para transações interbancárias.

Traduzido e adaptado de: rttnews.com

Compartilhe este post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário